Dra. Ana Luiza Cardoso

Especialista em Endocrinologia

Médica endocrinologista formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), com Especialização nas áreas de Clínica Médica e de Endocrinologia, ambas pela Universidade de São Paulo – FMUSP. Membro titulado da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e professora na Universidade Potiguar – UnP. Atuação clínica em Endocrinologia e Metabologia em Natal/RN.

Saiba Mais
Dra. Ana Luiza Cardoso, especialista em endocrinologia

Agende sua consulta por telefone:

(84) 99696-1717
Agende pelo WhatsApp

Áreas de atuação

Endocrinologia e Metabologia

A obesidade é uma doença multifatorial e o controle dos fatores ambientais e hormonais se faz necessário para combatê-la. O excesso de peso pode estar ligado ao patrimônio genético da pessoa, a maus hábitos de vida ou, por exemplo, a disfunções endócrinas. O tratamento orientado pelo endocrinologista evita doenças associadas, como o diabetes, além de prevenir uma série de complicações, como as cardiovasculares e as ortopédicas.

O diabetes é uma doença que é causada pelo mau funcionamento de insulina no seu organismo ou sua produção escassa. A insulina é um importante hormônio que regula a glicose no nosso sangue a ajuda na reposição energética para nosso corpo. Alguns sintomas específicos (sede, diurese e fome excessivas) e exames que apontem o excesso de glicose são indícios que devem ser investigados por um especialista. Se você tem excesso de peso, parentes com diabetes, hipertensão ou alterações de gordura no sangue, é importante o acompanhamento de um endocrinologista.
É uma glândula fundamental para o bom funcionamento de órgãos e funções importantes do corpo. As doenças da tireóide estão relacionadas a alterações nas suas funções, ao liberar hormônios em excesso (hipertiroidismo) ou em quantidade insuficiente (hipotireoidismo). Nódulos ou aumento de volume do pescoço; insônia e alterações no ritmo intestinal; nervosismo; aceleração do coração; ganho ou perda de peso; e excesso calor ou frio podem revelar distúrbios da tireoide.
É desenvolvida a partir de fatores genéticos, nutricionais e hormonais, bem como a partir de doenças que comprometem o esqueleto e pelo uso crônico de certos medicamentos. As fraturas são o resultado final dessa doença que pode passar despercebida por vários anos. Um endocrinologista será capaz de diagnosticar e indicar o tratamento mais adequado.
Durante o envelhecimento, ocorre uma diminuição gradual dos níveis de testosterona. Isso pode levar à necessidade de reposição hormonal em uma parcela dos homens, que deve ser avaliada pelo endocrinologista. Os sintomas mais comuns que podem sugerir a diminuição da produção hormonal são cansaço, diminuição da força muscular, disfunção erétil e redução do interesse sexual.
Hábitos de vida, alimentação errada, herança genética e algumas doenças podem levar ao aumento do colesterol e dos triglicerídeos em adultos e crianças. Exames de sangue podem apontar alteração dos níveis e o tratamento por um endocrinologista reduzirá o risco de possíveis complicações cardiovasculares, principalmente risco de infarto e derrame.

É uma doença endocrinológica caracterizada pela formação de cistos nos ovários que fazem com que eles aumentem de tamanho. A SOP é caracterizada pela menstruação irregular, a ocorrência de acnes e a produção de testosterona (hormônio masculino). Em situações extremas, pode levar à obesidade e à infertilidade.

Crianças que desenvolvem muito cedo as mamas, testículos ou pelos pubianos possuem algum tipo de distúrbio hormonal e é necessário avaliar a origem do problema. Os adolescentes que não desenvolvem essas características também precisam de uma avaliação e acompanhamento sobre uma possível disfunção hormonal.
Entre as doenças associadas a distúrbios na produção de hormônios da glândula suprarrenal, ou adrenal, estão a Doença de Addison, a Síndrome de Cushing e o Feocromocitoma. Estrias avermelhadas, aumento de peso, pressão alta ou baixa, acne, pelos excessivos, puberdade precoce e o escurecimento da pele são alguns sintomas associados a problemas na glândula suprarrenal.
Causadas por deficiência ou pelo excesso da função da glândula, um dos problemas mais comuns ocorre quando surge um tumor, geralmente benigno. Entre os sintomas mais comuns estão alteração na visão, dores de cabeça, irregularidades menstruais, disfunção sexual. O tratamento eventualmente pode envolver procedimento cirúrgico ou apenas a regulação dos hormônios deficientes ou em excesso com medicamentos.
O crescimento excessivo ou deficiente pode ocorrer em função de alterações hormonais, nutricionais ou genéticas. É necessária a investigação para avaliar os motivos dessa anormalidade e um acompanhamento da evolução para alcançar um crescimento dentro da curva.
Geralmente ocorre entre os 45 e 55 anos e se confirma após 1 ano da última menstruação. A menstruação para porque os ovários deixam de produzir hormônios. É o marco do fim dos anos reprodutivos da mulher e é também conhecida como “falência ovariana”. O endocrinologista é capaz de indicar a necessidade e a adequada reposição hormonal, feita com hormônios idênticos aos produzidos pela própria mulher, que ameniza o desconforto e os riscos dessa fase.

Como fazer uma mudança nos hábitos e perspectivas da vida?

Não é uma tarefa fácil, por isso, elaborei um material que pode ser útil para organizar tanto sua rotina de saúde, como financeira e te ajudar a fazer mudanças que te tragam mais equilíbrio e qualidade de vida.

Preencha o formulário que eu envio pra você o link para baixar o planner.

Capa do Planner 2020, ideal para organizar suas atitudes, tanto de saúde como financeiras.

Bioimpedância na Endocrinologia

Você conhece a bioimpedância?

É um dos métodos mais precisos para avaliar sua composição corporal. Trata-se de um exame rápido, simples e indolor, com pouquíssimas contraindicações. Através de uma corrente elétrica considerada leve, é possível estimar a quantidade de água, gordura e massa magra do seu corpo.

Palavra de especialista em ENDOCRINOLOGIA

“No processo de emagrecimento, a balança e o peso não conseguem avaliar adequadamente a perda de gordura em detrimento da massa magra – que costuma acontecer como uma consequência indesejada. O que queremos é que a perda da massa gorda seja bem maior do que a de massa magra, garantindo, assim, que a perda de peso ocorra de maneira saudável. Esse é o verdadeiro emagrecimento. Com a Bioimpedância, conseguimos ter acesso a essas informações durante a consulta médica.”

Dra. Ana Luiza Cardoso
Mulher tirando medidas para exemplificar a bioimpedância na endocrinologia

Agende sua consulta por telefone:

(84) 99696-1717
Agende pelo WhatsApp

Últimas do Blog

Opinião de quem conhece

Conhecer a Dra. Ana Luiza foi um divisor de águas em minha vida. Depois de muito andar, encontrei uma profissional que me enxergou como um todo… reequilibrou meu organismo, compensou minhas taxas, tratou minha obesidade enxergando minhas limitações, minhas dificuldades e, hoje, me ajuda a manter todos os bons resultados obtidos. Acompanha tudo bem de perto, não deixando as recaídas tomarem conta do processo, está sempre disponível para tirar todas as dúvidas e é uma estudiosa. Confio plenamente nela e sinto total confiança em tudo que ela me recomenda. Enfim, é daquelas profissionais que vc não quer nunca deixar de ir e recomenda de olhos fechados!
Carla Medeiros
Falar de Dra. Ana Luiza ao mesmo tempo que é uma responsabilidade, é uma honra. Por indicação de uma amiga, tive a oportunidade de ser atendida pela melhor médica que já conheci. Atenciosa, competente, presente. Ela fez do meu problema o dela e foi essencial na minha luta contra taxas e balança. Me orientou, me aconselhou, me explicou e me fez entender todo o processo que eu precisava passar. Sempre deixou claras as dificuldades, mas, da mesma forma, enfatizou a possibilidade de superá-las. Ela mudou a minha vida! Indico para todos os meus amigos e para aqueles que querem comprometimento e competência. Hoje, ela é médica da minha mãe, irmã e de muitos amigos. Sou eternamente fã e eternamente paciente!
Larissa Simoneti
Ah se existissem mais médicos (as) como Dra. Ana Luiza! Eu digo que ela mudou minha vida, porque é uma profissional que nunca esteve só preocupada com a receita médica e sim com a minha história. Ela me trouxe reflexões e ponderações que me fizeram enfrentar a luta contra a obesidade e a mudar totalmente meu estilo de vida. Foram mais de 30kg eliminados, mas não só isso, ela conseguiu provocar uma mudança de mentalidade. Não há exagero nenhum em dizer que ela, com seriedade, profissionalismo, empatia e seu lado humano, iniciou um processo de transformação para que eu me reencontrasse. Serei eternamente grata!
Luciana Dias
Dra. Ana Luiza foi um divisor de águas em minha vida. Ela foi a primeira profissional e pessoa que tratou a minha obesidade como doença. Eu vinha de uma péssima experiência com antigos profissionais, onde a maioria tratava a obesidade como desleixo e preguiça e isso fazia com que eu fugisse dos médicos (pois só me causava dor e frustração). Ana Luiza me fez ver que a obesidade é uma doença e precisa ser tratada, e de forma nunca vista,  responsável e humana, ela se preocupa com os pacientes e os escuta diferente do que acontece na maioria dos profissionais. Nos olha como um todo, fazendo os encaminhamentos necessários. Hoje posso dizer que tenho total controle sobre meu corpo. Só tenho gratidão a ela. Por mim, iria a ela toda semana! Muito obrigada, Dra. Ana Luiza, que a senhora continue sendo essa pessoa abençoada e exemplo do que é ser uma verdadeira médica.
Daniela Holanda
Dra. Ana Luiza, profissional competente, dedicada e amorosa. Tenho a maior confiança e carinho por ela. Me ajudou bastante no processo de aceitação do diagnóstico  do diabetes. Há dois anos sou paciente dela, desde então minha saúde e qualidade de vida melhoraram muito!
Patricia Angelina

Contato

Dúvidas ou informações? Preencha o formulário a seguir e entre em contato com a gente.





ENDEREÇO
Tyrol Business Center
Avenida Rodrigues Alves, 800
2º andar – Sala 212
Tirol – Natal – RN 59020-200 Brasil

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
Segunda à Sexta, das 8h às 18h.

Este site segue os princípios da resolução do CFM 1974/2011 e do código de conduta Web de medicina e saúde. A informação é oferecida com propósito de educação e informação. Não substitui opinião médica em atendimento formal. Se você tem qualquer problema de saúde, contate o seu médico ou profissional de saúde. O objetivo do ato médico, como em toda a prática médica, constitui-se da obrigação de meio e não de fim ou resultado. Fotos são meramente ilustrativas. Direitos são reservados. A publicação e redistribuição de qualquer conteúdo é proibida sem prévio consentimento.